Sinopse: Algo está acontecendo na natureza. Uma misteriosa doença começa a
se espalhar pelo mundo. Inexplicavelmente, animais passam a caçar
humanos e a matá-los de forma brutal. A princípio, parece ser algo que
se dissemina apenas entre as criaturas selvagens, mas logo os bichos de
estimação também mostram suas garras e as vítimas se multiplicam.
A humanidade é presa fácil
Apavorado,
o jovem biólogo Jackson Oz assiste a escalada dos acontecimentos. Ele
já previu esse cenário alarmante há anos, mas sempre foi desacreditado
por todos. Depois de quase morrer em uma implausível emboscada de leões
em Botsuana, a gravidade da situação se mostra terrivelmente clara.
O fim da civilização está próximo.
Com
a ajuda da ecologista Chloe Tousignant, Oz inicia uma corrida contra o
tempo para alertar os principais líderes mundiais, sem saber se as
autoridades acreditarão em um fenômeno tão surreal. Mas, acima de tudo, é
necessário descobrir o que está causando todos esses ataques, pois eles
se tornam cada vez mais ferozes e orquestrados.
Em breve não restará nenhum esconderijo para os humanos…
“Olha ao redor. Na escuridão, longe da fogueira e do outro lado do riacho, o capitão Bowen sente olhos fixos neles.
Um monte de olhos.” 
Os capítulos são curtinhos, isso faz a leitura fluir fácil, mas não é tão interessante assim pois a historia é longe e sinto que muitas partes ficam quebradas com capítulos tão curtos, mas é como sempre dizem: as páginas viram sozinhas. Zoo é diferente dos outros livros de Patterson, não é o tipo de suspense policial que estamos acostumados, por isso demorei para pegar esse livro, normalmente não curto drama policial, mas esse foi bem diferente por isso gostei.
“Soa como algo grandioso, eu sei, mas meu medo era que, se eu estive
certo – e pela primeira vez na vida eu sinceramente esperava estar
errado -, estaria ocorrendo uma alteração do paradigma planetário que ia
fazer o aquecimento global parecer um passeio de domingo num jardim
orgânico comunitário.”
Chloe é uma personagem coadjuvante. Sua personalidade não se destaca e seu comportamento é passivo na maior parte do livro, assim como a primeira namorada do personagem, que de tão insignificante nem consigo lembrar o nome, acho que esse foi o pior ponto do livro, a falta de representatividade feminina e o excesso de estereotipação nas poucas personagens que existiam.
O lado negativo do livro fica basicamente por conta dos personagens. Superficiais. Mal
trabalhados. Sem carisma. Até mesmo Oz, o protagonista candidato a
herói, não foge à regra. Com sua personalidade e senso de humor
oscilantes.
Um fato que
gostei no livro foi que o autor não se prendeu em apenas um local, ele
monstra o que acontece em vários lugares do mundo, dando ao leitor uma
maior compreensão de como o mundo inteiro está se comportando diante de
tal fenômeno, mesmo que superficial e muito acelerada.

“O mundo estava se tornando um zoológico, mas sem jaulas.” 
Outro ponto positivo no livro foi que o autor explicou o motivo que
levou os animais a mudarem de comportamento e eu achei bastante
convincente, o livro é que ele é cheio de críticas ao
governo, a televisão que manipula a informação de modo a atingir seus interesses, aos problemas ambientais,
a forma como as coisas são escondidas do povo, a ignorância das pessoas, no sentindo de não saber e no sentido de ignorar o que está acontecendo por egoísmo e a
despreocupação com o ambiente.
Apesar de tudo, gostei bastante do livro. Achei a ideia original e uma saída da zona de conforto do autor. Temia que a explicação do fenômeno fosse totalmente sem pé nem
cabeça e acabasse estragando a obra,acho que nunca tinha lido algo sobre o apocalipse que não fosse ligado a zumbis, alienígenas, vampiros ou sei lá haha ZOO foi uma sacada inteligente e original, recomendo para uma leitura sem compromisso.
Categories: Uncategorized

13 Comments

[ Livro ] ZOO – James Patterson

  1. UAU! Senti uma base crítica e bem metafórica fortíssima em relação a sociedade/humanidade; uma certa 'inversão de papéis' ocorre e leva a reflexões densas. Já adorei por isso! Estou super ansiosa para ler e fiquei encantada pela resenha tão detalhada. As entrelinhas da análise já foram me levando a somas críticas e isso foi tão deleitoso. Adorei!

    http://www.semquases.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *