Momo – Porque ficamos tão assustados com lendas da internet?

Categorias Uncategorized

Ela se chama Momo e sua aparência é aterrorizante: olhos esbugalhados, pele pálida e um sorriso sinistro. Sua imagem ficou famosa pelo WhatsApp, disseminada como um desafio viral.

De onde surgiu a Momo?

A imagem do momo perfil da “Momo” não é uma pessoa, muito menos um espírito. É uma escultura foi criada pela empresa japonesa de efeitos especiais Link Factory, que depois foi exposta em um museu localizado no distrito de Ginza, em Tóquio.

Chamado de ‘Vanilla Gallery’, este lugar é conhecido por fazer exposições de arte alternativas e aterrorizantes. Em 2016 eles abriram uma exposição sobre fantasmas e espectros, na qual esta escultura humanoide de “mulher-pássaro” se destacou.

Muitos visitantes foram ao local para tirar fotos com esta escultura perturbadora, que posteriormente foi utilizada por alguém para amedrontar pessoas na Internet.

De onde vem o jogo Momo

A internet está cheia de perguntas sobre Momo.

Algumas semanas atrás, uma imagem surpreendente começou a circular pela internet. “Quem é Momo, a menina do WhatsApp? Encontrei há pouco um vídeo que dava medo. Acho que é uma brincadeira elaborada, mas não tenho certeza”.

Esta foi a resposta mais votada: “Alguém de um país de língua espanhola tirou a foto, criou uma conta de WhatsApp e espalhou os rumores para contactar a Momo. Dessa conta, envia mensagens e imagens inquietantes a quem escreve para ela. Em algumas, insinua que tem informações pessoais sobre a pessoa.”

Como esse mito se espalhou?

Tudo começou quando alguém compartilhou um número de telefone (+81435102539) dizendo que supostamente era um número amaldiçoado. Quando você adiciona ou entra em contato com ele, aparece a imagem da Momo.

O código (+81) indica o telefone pertencente a alguém no Japão, e a mensagem que acompanha o perfil da Momo é “人 々 は 私 を L と 呼 び ま す” que significa “As pessoas me chamam de L”, em japonês.

O desafio não era apenas adicionar o número de telefone, mas falar com ele. Supostamente a pessoa por trás do número, que se chama “Momo”, é capaz de falar em vários idiomas e iniciar uma conversa. Vários internautas decidiram escrever para tentar a sorte, mas o que encontraram não foi nada agradável.

Entre as histórias que são contadas sobre as pessoas que escreveram para Momo, está o fato de que aparentemente essa pessoa sabia sobre suas vidas. “Momo” tinha informações sobre amigos próximos, lugares frequentes e certas atividades. Outras pessoas descreveram que receberam ameaças ou mensagens aterrorizantes.

Uma das variantes do desafio é de conversar com ela às 3:00 da manhã, que é supostamente o “horário dos demônios”. Também não se pode deixar que ‘Momo’ escreva mais de duas vezes seguidas, e também não se deve repetir as mensagens enviadas à ela. Caso contrário, você poderia sofrer uma morte terrível.

Momo desde então tem se associado à cultura creepypasta online, mas por que ela é tão assustadora em primeiro lugar? O rosto de Momo é obviamente humano, mas seus olhos esbugalhados e boca distorcida são distintamente não humanos.

Nosso medo de rostos como o de Momo pode ser explicado cientificamente. O medo é uma emoção difícil de estudar; há debate sobre o que é medo mesmo. Uma hipótese óbvia é que os humanos e outros animais respondem a certos estímulos perigosos com medo e seus comportamentos associados, a fim de se protegerem.

Nossas reações consistentes a coisas que parecem provocar medo e repulsa podem ser explicadas em uma estrutura evolucionária e foram importantes para nossa sobrevivência por um longo tempo. E Momo pode se encaixar em vários deles.

Medo de doença

Evitar doenças e parasitas é um aspecto muito importante da sobrevivência de todos os organismos, e os humanos não são exceção. A doença pode, obviamente, ameaçar a sobrevivência de um indivíduo, bem como seu sucesso na reprodução.

Muitos comportamentos e características fisiológicas em humanos e outros animais são melhor compreendidos quando vistos como reações de medo – seja para evitar doenças ou para convencer os outros de que somos livres da doença.

A doença muitas vezes causa sintomas externos, mantendo-nos atentos a sinais de que os que nos rodeiam são infecciosos. Podemos subconscientemente ver Momo como alguém doente – talvez até como um cadáver – que deve ser evitado.

Medo de ser socialmente rejeitado

Seres humanos têm um desejo incrivelmente forte de se encaixar. Para fazer isso, podemos passar a vida aprendendo a realizar interações sociais elaboradas e, às vezes, somos incapazes de realizar essas interações adequadamente.

Isso é especialmente verdadeiro se pensarmos que a pessoa com quem nos confrontamos pode se tornar agressiva. 

Quando a vemos, podemos imediatamente registrar Momo como humana, mas quando olhamos mais de perto, vemos que o rosto dela está todo errado. Isso pode significar que não podemos determinar suas emoções ou humor e, portanto, nos sentimos incapazes de nos envolver em uma interação social apropriada.

Alternativamente, talvez Momo nos pareça uma pessoa malévola que quer nos prejudicar. Ou, com sua aparente surpresa de olhos arregalados, ela pode parecer uma pessoa experimentando o próprio medo, e podemos ou não sentir empatia por ela.

Medo de predadores

Apesar de sermos o topo da cadeira, os humanos têm estão sujeitos à predação por outros animais, e não nos esquecemos de como responder a possíveis predadores. Em alguns casos, são os olhos do predador que criam o medo.

Talvez os olhos redondos de Momo com pequenas pupilas nos lembrem de um grande predador, como um leão, nos levando a desviar o olhar rapidamente. E possivelmente Momo tem o efeito de nos fazer querer ficar juntos, ligando-nos ao nosso medo compartilhado.

As diferentes respostas do medo podem depender da nossa proximidade com o perigo e sua intensidade; presumivelmente, Momo, como uma imagem estática na internet, provoca respostas mais passivas.

Conclusão

O estranho é a ideia de que, à medida que entidades não-humanas – como robôs e animação – se aproximam de uma aparência humana, tornam-se mais inquietantes. As coisas que caem nesse “vale misterioso” podem provocar medo ou desgosto nos espectadores humanos. 

Há várias explicações possíveis para o vale misterioso. Pode ser apenas medo simples como as respostas tradicionais descritas acima. Uma possibilidade semelhante é que estamos decidindo que o objeto em questão não seria um bom companheiro.

Outras ideias são mais filosóficas – que objetos estranhos são lembretes de nossa própria mortalidade ou violam nosso senso de identidade humana. Pode ser que estejamos cientes de que objetos feitos pelo homem deveriam ser menos parecidos com humanos do que um ser humano real, então seus gatilhos misteriosos – no caso de Momo, seus traços exagerados – servem como um super estímulo para sentimentos assustadores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *